Concordância: "tanto como" e "tanto quanto" - Português na Rede

Concordância: "tanto como" e "tanto quanto"

Nas correlações "tanto... como..." e "tanto... quanto...", o verbo concorda no plural: "Tanto João como José participaram do debate"; "Tanto a minha empresa quanto a sua não atrasam pagamento de salário".

15 comentários:

Lígia Conti disse...

Boa tarde.
Gostei muito de seu blog - é dos bons e me ajuda muito, sempre.
Gostaria de saber como é que se usa a vírgula - se é que se usa, numa frase como: Coutinho é mais um a oferecer tanto uma reflexão conceitual como uma discussão mais concreta...
Obrigada
Ligia (mligia-conti@uol.com.br)

Laércio Lutibergue disse...

Prezada Lígia:

Fico feliz por saber que Português na Rede está ajudando você.

No caso da frase "Coutinho é mais um a oferecer tanto uma reflexão conceitual como uma discussão mais concreta...", é assim mesmo sem vírgula. Antes de "tanto" não pode haver porque não há virgula entre o verbo e o complemento, e antes de "como" é preferível não virgular porque em correlações como "tanto... como..." e "não só... mas também..." a vírgula corta o vínculo entre os termos correlacionados.
Entendeu, Lígia?

Alberto disse...

Olá, gostaria de saber se a seguinte frase está correta: "... pois o móvel pode ter chego ao marco em que se encontra tanto por ter vindo de uma posição anterior como por ter vindo de uma posição posterior.". Agradeço desde já. Excelente blog!

Laércio Lutibergue disse...

A frase está errada, Alberto.

Não existe o particípio "chego".

O certo é "... pois o móvel pode ter CHEGADO..."

Abraço.

Alberto disse...

Um proofessor de Português me disse, uma certa vez, que o uso de "chego e chegado" era facultativo! Fiquei em dúvida Laércio; não querendo ser chato, mas sendo, você pode citar alguma gramática aí? O engraçado era que a minha dúvida era a cerca do uso da vírgula antes de "tanto" e "como"; depois que eu fui ver que você já tinha explicado para Lígia.

Abraços; mais uma vez, desculpe-me pelo pedido chato.

Alberto disse...

Outra pergunta. Em "A posição não indica quanto o móvel andou, já que o corpo em análise não inicia sua trajetória necessariamente no marco zero.", a vírgula fica antes ou depois da conjunção. Eu ouvi falar que quando a orção é explicativa (o caso), a vírgula fica depois.

Abraço

Laércio Lutibergue disse...

Prezado Alberto, seguem as respostas:

1. Se o professor ensinou, ensinou errado. Você pode conferir isso nos bons dicionários (o Aurélio e o Houaiss, por exemplo) e nas boas gramáticas.

2. A vírgula fica antes do "já": "A posição não indica quanto o móvel andou, já que o corpo em análise não inicia sua trajetória necessariamente no marco zero".
Nesse tipo de oração, a vírgula fica sempre antes da conjunção.

Um abraço, amigo, e disponha!

Alberto disse...

Valeu, Laércio!

Tu podes me indicar umas boas gramáticas?

Laércio Lutibergue disse...

São tantas, Alberto: Bechara, Celso Cunha, Cegalla, Ernani Terra, Luft, Nilson Teixeira, Tufano...

Alberto disse...

Muito obrigado!

Alberto disse...

Laércio, tenho mais uma dúvida:não se separa o sujeito do predicado por vírgula, né?

Olha esse caso:

"Diversas transformações sociais, o solo pouco fértil e a conseqüente dificuldade de aproveitamento agrícola, contribuíram para a grande expansão comercial e marítima dos helenos ..."

Eu sempre vejo exemplos similares em livros, onde o sujeito composto assume um texto extenso e para não deixar a frase desorganizada (pelo menos, presumo que seja esse o motivo), o sujeito é separado do predicado.

Helena disse...

Alberto... O sujeito e o predicado não podem ser separados por uma vírgula, mas por duas podem, está correto. A parte entre as vírgulas chama-se aposto, é como um comentário, e se quiser analisar a corretude da frase pode analisar o aposto separadamente, bem como a frase retirado o aposto.

Anônimo disse...

Queria saber quando eu posso empregar o tanto quanto e tanto como. Sempre me confundo.

Laércio Lutibergue disse...

Isso é indiferente, é questão de escolha pessoal.

Abraço.

IGC.Brasil disse...

"Tanto a minha empresa quanto a sua não atrasam pagamento de salário".

Eu não escreveria assim. A meu ver, tanto quanto ainda aqui está inadequado. Seria mesmo "tanto a minha como a sua".

Agora, "a minha empresa é tão boa quanto a sua", daí sim. Mas isso é coisa diferente, utilizando-se tão em lugar de tanto.

Forte abraço. Parabéns belo blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...