Aspecto verbal - Português na Rede

Aspecto verbal

Um leitor entrou em contato conosco para criticar o título “Amanhã é o lançamento”, publicado na coluna passada.
Esse leitor entende que “amanhã” é futuro e, por isso, o correto é “Amanhã será o lançamento”.

Explicamos ao leitor o porquê da escolha do presente em vez do futuro e agora compartilhamos essa explicação com os demais leitores desta coluna.

Na Bíblia encontramos os dez mandamentos.

Não matarás, não adulterarás, não furtarás, são alguns deles.

O tempo verbal está no futuro. Mas isso não significa que somente no futuro não mataremos, não adulteraremos e não furtaremos.

Os verbos estão no futuro, mas a ação é uma ordem para já, para o presente.

Temos, então, o futuro com valor de imperativo.

Quando lemos, nos livros de história, narrativas como “Em 22 de abril de 1500, Cabral avista o Monte Pascoal e descobre o Brasil”, temos uma frase com os verbos no presente, mas com valor de passado.

É o presente histórico.

E em frases como “Amanhã eu faço isso para você”, “Amanhã eu estou de volta”, “Amanhã é o lançamento do livro”, temos o presente com valor de futuro.

Esses exemplos mostram que um tempo verbal pode assumir um valor paralelo ao que lhe é próprio.

Esse “valor paralelo” é chamado de aspecto verbal.

Especificamente sobre o presente com valor de futuro, estudiosos o associam a certeza (Celso Cunha & Lindley Cintra), a acontecimento próximo (Said Ali) e a ênfase (Evanildo Bechara).

Está, portanto, plenamente justificado o título “Amanhã é o lançamento”.

Publicado na coluna "Com Todas as Letras", Jornal do Commercio do Recife, em 22/6/2011.

Compre o novo livro de Laércio Lutibergue AQUI.

2 comentários:

JOSÉ ROBERTO BALESTRA disse...

Prof. Laércio, a cada vez que passo por aqui, sempre encontro veios de ouro linguístico. Que beleza!! "Parabéns" também ao leitor ousado que o provocou; ganhamos todos, ele e nós, ademais. abs

Laércio Lutibergue disse...

Obrigado, Balestra.

Forte abraço!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...