Concordância do verbo “ser”

O verbo "ser" tem uma característica muito especial: é o único na língua portuguesa que permite a concordância com o predicativo.

Essa característica nos faculta escolher entre "Tudo é flores" ou "Tudo são flores", só para ficar num exemplo clássico.

O fato é que, com o verbo "ser", não importa muito a função sintática. É tudo uma questão de preferência, que pode ser resumida assim:

1. Sujeito coisa e predicativo coisa – a preferência é pela coisa plural: "Nossa força são as florestas".

2. Sujeito pessoa e predicativo pessoa – como no caso anterior, preferência pela forma plural: "Aqueles personagens eram um só ator"; "Um só ator eram aqueles personagens".

3. Oração formada por pessoa e coisa – independentemente da função sintática desses termos (sujeito ou predicado), o verbo concorda preferencialmente com a pessoa: "As crianças são o melhor do mundo"; "O melhor do mundo são as crianças".

4. Oração formada por pessoa e pronome pessoal – qualquer que seja a função sintática deles, a preferência é pelo pronome: "O comandante, trabalhadores do Brasil, sois vós".

5. Coisa e pronome – independentemente da função sintática, preferência pelo pronome: "A cor dessa cidade sou eu".

6. Sujeito pronome pessoal e predicativo pronome pessoal – preferência pelo pronome sujeito: "Eu sou eles amanhã", "Eles são eu amanhã".

UM CASO ESPECIAL

Numa oração em que o sujeito está indeterminado (sem artigo, pronome ou adjetivo) e o predicativo é representado por adjetivos como "bom", "necessário" e "proibido", o verbo "ser" não varia: "Vitaminas é bom para todos", "Comida é necessário", "É proibido cães".

Se, porém, o sujeito estiver determinado, a concordância será normal: "A vida é boa"; "É necessária a sua ajuda"; "São proibidas pessoas estranhas".

Convém acrescentar que o adjetivo "preciso", quando abre a oração, fica no singular, estando ou não determinado o sujeito: "É preciso a participação popular"; "É preciso muitas qualidades para trabalhar naquela empresa".

» DESAFIO

Qual frase está de acordo com a norma culta?

a) Eram perto das 12 horas.

b) Era perto das 12 horas.

  1. c) “a” e “b” estão corretas.

» RESPOSTA

Indicando horas e seguido de locuções como "perto de", "cerca de", "mais de", o verbo "ser" tanto pode concordar no singular como no plural. Portanto, "a" e "b" estão corretas.

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Scroll to Top