Abril 2008 - Português na Rede

Resposta do desafio

Nem o Vocabulário da Academia Brasileira de Letras nem os principais dicionários (Aurélio e Houaiss) registram “catéter”. Para eles, só “cateter”, palavra oxítona, é o correto. Assim sendo, a terceira opção é a que contém uma palavra que oficialmente não existe.
Leia Mais ►

REGÊNCIA: INICIAR

“A minha carreira iniciou quando eu ainda tinha 18 anos.”



Há um erro nessa frase; de regência. O verbo iniciar não é intransitivo. Uma coisa “se inicia”, e não apenas “inicia”. Desse modo, “a minha carreira se iniciou quando eu ainda tinha 18 anos”.

Leia Mais ►

CONCORDÂNCIA: 100 METROS LIVRES ou LIVRE?

O certo é "100 metros livre".

O adjetivo "livre" não concorda com o substantivo "metro", mas sim com a palavra "estilo", que está subentendida: "50 metros [estilo] livre", "100 metros [estilo] livre".

Atenção! O adjetivo "raso", em construções semelhantes, concorda com o substantivo "metro": "100 metros rasos", "200 metros rasos", "400 metros rasos".

Neste caso, o adjetivo concorda com o substantivo porque os metros são de fato "rasos", isto é, não há obstáculos na pista ou na piscina.
Leia Mais ►

Perder e ganhar FAZ ou FAZEM parte da vida?

Fica no singular o verbo de um sujeito composto cujos núcleos são infinitivos: "Andar e nadar faz bem à saúde"; "Fumar e beber prejudica a saúde"; "Ser paciente e respeitar o próximo fortalece a cidadania".


O verbo da oração irá, contudo, para o plural se os infinitivos vierem determinados pelo artigo ou se forem antônimos: "O amar e o sorrir são necessários"; "Sorrir e chorar me tornam humano"; "Perder e ganhar fazem parte da vida".
Leia Mais ►

CYBERCAFÉ ou CIBERCAFÉ?

Os dicionários registram a palavra “ciberespaço”. Logo, por analogia, escreve-se “cibercafé”, com "i" e sem hífen.
Leia Mais ►

“CERCA DE 848 FUNCIONÁRIOS": ESTÁ CERTO ISSO?

“Cerca de” indica arredondamento. Por isso, não pode expressar muita precisão, como em “cerca de 848 funcionários”, “cerca de 9.514 inscritos” e “cerca de 98 passageiros”. O correto: “cerca de 850 empregados”, “cerca de 9.500 inscritos”, “cerca de 100 passageiros”.
Leia Mais ►

Concordância: "tanto como" e "tanto quanto"

Nas correlações "tanto... como..." e "tanto... quanto...", o verbo concorda no plural: "Tanto João como José participaram do debate"; "Tanto a minha empresa quanto a sua não atrasam pagamento de salário".
Leia Mais ►

CAZÁ, CAZÁ ou CASÁ, CASÁ?

Escreve-se “casá, casá”, com "s". Ocorre que esse "casá" do grito de guerra do Sport Club do Recife e do Vasco da Gama é uma redução de "casaca" - “casaca, casaca” era o grito original.
Leia Mais ►

TRI-CAMPEÃO ou TRICAMPEÃO?

Ao usar bi, tri, tetra, penta, hexa, esqueça o hífen. Portanto, "tricampeão".
Leia Mais ►

CONCORDÂNCIA: TUDO O MAIS

O verbo fica no singular quando os núcleos do sujeito são resumidos pela expressão “tudo o mais”: “Celulares, computadores, eletrônicos e tudo o mais precisa de manutenção periódica”.
Leia Mais ►

Novo desafio

Lançamos um novo desafio. Participe!
Leia Mais ►

DAR LUZ A UM BEBÊ ou DAR À LUZ UM BEBÊ?


Uma mãe dá À LUZ UM BEBÊ. Ou seja, o objeto direto é o ser que nasce; e o objeto indireto, regido pela preposição "a", é a palavra “luz” .

A lógica da construção é esta: ao nascer, todo ser humano é dado, pela mãe, ao mundo, isto é, “à luz”.
Leia Mais ►

ARRIAR x ARREAR

Se você abaixa alguma coisa, você arria. Se você põe arreios, você arreia. Entendeu? ARRIAR, ARRIO, ARRIA = abaixar, sempre com "i". ARREAR, ARREIO, ARREIA = pôr arreios, sempre com "e".
Leia Mais ►

CIDADE x MUNICÍPIO

Há diferença entre cidade e município? Há. Cidade refere-se só ao núcleo urbano. Município abrange tudo: o núcleo urbano e o rural.


Assim, se alguém se refere à “cidade de Gravatá”, está, a rigor, se referindo apenas à zona urbana da cidade. Se, por outro lado, a referência for ao “município de Gravatá”, as zonas urbana e rural estarão incluídas, ou seja, Gravatá por completo.
Leia Mais ►

Resposta do desafio

O japonês que emigra para a América é chamado de “issei”. Em japonês, “sei” significa “geração”; “is” é “primeira”. “Issei” significa, portanto, “primeira geração”.

O filho de “issei” é chamado de “nissei”, o mesmo que “segunda geração”: "ni" = segunda + “sei” = geração.

De um "nissei" nasce um "sansei", a “terceira geração”: "san" = terceira + "sei" = geração.


A palavra “decasségui” é originária do japonês “dekasegi”, composta dos verbos "deru" (= sair) e "kasegu" (= juntar dinheiro). O significado de “decasségui” é, portanto, “sair (para longe) a trabalho a fim de juntar dinheiro e depois voltar para casa”.
Leia Mais ►

CONCORDÂNCIA: UM E OUTRO e UM OU OUTRO


Quando o sujeito for a expressão UM E OUTRO, a concordância será feita da seguinte forma: o substantivo que se segue a ela ficará no singular, o adjetivo no plural e o verbo indiferentemente no singular ou no plural: “Um e outro jogador indisciplinados será punido”; “Um e outro jogador indisciplinados serão punidos”.

Diferente é o caso da expressão UM OU OUTRO, que deixa o verbo sempre no singular: "Um ou outro gato dormia no terraço”.
Leia Mais ►

EMBAIXATRIZ x EMBAIXADORA


“Embaixatriz” é a mulher do embaixador; a funcionária que exerce a função de representante diplomática é “embaixadora”.
Leia Mais ►